Year:

  1.  6
    O Sócrates de Hannah Arendt.Augusto Bach & Juliano Orlandi - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (4):201-222.
    Resumo: Com o fito de compreender as noções de história e juízo político, este artigo pretende mostrar a peculiar interpretação que Hannah Arendt faz da mais conhecida e discutida personalidade filosófica: Sócrates. Assim como outras ideias, tais como a de banalidade do mal, a natureza do terror totalitário e de espaço público, sua estrita pintura do filósofo grego nos demanda a tarefa de discriminar a diferença entre pensamento e ação. Seria acaso o juízo a ponte entre as atividades de pensamento (...)
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  2.  6
    Questões de Cronologia Rousseauísta: O Caso Do Ensaio Sobre a Origem Das Línguas.Mauro Dela Bandera - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (4):167-186.
    Resumo: O século XX viu ganhar forma um efervescente debate travado em torno do Ensaio sobre a origem das línguas de Rousseau, sobretudo quanto à sua gênese, ao período em que foi escrito e às suas possíveis relações com o Discurso sobre a origem da desigualdade. O presente artigo, ao repassar a literatura crítica sobre o tema, propõe uma cronologia consonante com a produção especializada, colocando em foco os temas que, porventura, teriam guiado Rousseau, desde a redação da versão originária (...)
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  3.  6
    Límite de la Téchne y Virtud Del Diálogo Según Platón.Cristián De Bravo Delorme - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (4):9-28.
    Resumen: El siguiente artículo parte reconociendo el carácter protector de la téchne y sus momentos constitutivos. De acuerdo a esta determinación es posible advertir el límite de la téchne a partir de la cuestión socrática de la virtud. La virtud, en la medida que no es un asunto análogo a los objetos de la téchne, precisa de un especial acceso. Desde la constatación del diálogo como el único modo de conocer la virtud, se pone de relieve su sentido comunitario y (...)
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  4.  7
    Testimony and Intellectual Virtues in Hume’s Epistemology.Ruth M. Espinosa - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (4):29-46.
    : In this paper, I consider some issues concerning Hume’s epistemology of testimony. I’ll particularly focus on the accusation of reductivism and individualism brought by scholars against Hume’s view on testimonial evidence, based on the tenth section of his An enquiry concerning human understanding. I first explain the arguments against Hume’s position, and address some replies in the literature in order to offer an alternative interpretation concerning the way such a defense should go. My strategy is closely connected with Hume’s (...)
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  5.  7
    Sacrifício E Individualidade: Lask Leitor de Fichte.Federico Ferraguto - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (4):125-156.
    Resumo: O artigo trata da relação entre individualidade e valor, na filosofia transcendental, a partir de uma análise da interpretação da filosofia de J. G. Fichte dada por Emil Lask, no livro publicado em 1903, Fichtes Idealismus und die Geschichte. O artigo visa a mostrar como a radicalização do transcendentalismo o orienta a um realismo não empírico, o qual impede ao transcendentalismo de realizar-se exclusivamente na forma da investigação autorreflexiva das estruturas da consciência e o traduz em uma valorização da (...)
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  6.  5
    La Inevitabilidad de Lo Dicho.Juan Carlos Aguirre García - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (4):81-98.
    Resumen: El propósito de este artículo es exponer la tesis levinasiana de la inevitabilidad de lo dicho, teniendo como trasfondo algunas cuestiones epistemológicas que suscita. Para esto, se comienza presentando la contraposición que establece Levinas entre verdad del desvelamiento y verdad del testimonio, destacando sus diferencias más radicales. Posteriormente, teniendo la subjetividad como hilo conductor, se reconstruye el camino que relacionaría ambos tipos de verdad, mostrando cómo la tesis de la inevitabilidad de lo dicho adquiere relevancia en las discusiones epistemológicas. (...)
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  7.  6
    Como Escolher Um Exemplo? De Qualquer Um Para Qualquer Um.Ronaldo Manzi - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (4):187-200.
    Resumo: Como escolher um exemplo? O que se passa como um simples dado pode ser o mais complexo: o critério de escolha. Alguns casos servem de exemplo e outros não. Por quê? O objetivo deste texto é tentar dar algum critério para esse tipo de escolha. O caminho escolhido para tal foi tomar um caso da psicopatologia freudiana: o caso Dora. Por que esse caso é considerado o exemplo de histeria? Para responder a essa questão, recorre-se ao pensamento de Agamben, (...)
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  8.  5
    Bento E Deleuze: Contradança Filosófica.Peter Pál Pelbart - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (4):157-166.
    Resumo: Ao cruzar as trajetórias de Bento Prado Jr. e Gilles Deleuze, no tocante a Bergson, revelam-se coincidências inesperadas, entre as quais a dívida comum para com Sartre.: Unexpected coincidences are revealed when considering Bento Prado Jr. and Gilles Deleuze’s readings of Bergson, especially if one considers their common debt to Sartre.
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  9.  6
    HAN, Byung-Chul. Sociedade Do Cansaço. Petrópolis: Vozes, 2015, 136 P.Ricardo Pagliuso Regatieri - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (4):223-226.
    Resumo: Com o fito de compreender as noções de história e juízo político, este artigo pretende mostrar a peculiar interpretação que Hannah Arendt faz da mais conhecida e discutida personalidade filosófica: Sócrates. Assim como outras ideias, tais como a de banalidade do mal, a natureza do terror totalitário e de espaço público, sua estrita pintura do filósofo grego nos demanda a tarefa de discriminar a diferença entre pensamento e ação. Seria acaso o juízo a ponte entre as atividades de pensamento (...)
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  10.  6
    Archi-Violencia: Génesis de la Violência de la Génesis En la Filosofia de Derrida.Valeria Campos Salvaterra - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (4):99-124.
    Resumen: El siguiente trabajo aborda la relación que tiene la violencia con el lenguaje y el discurso en la obra de Derrida, específicamente desde las nociones tempranas de violencia originaria, archi-violencia y violencia trascendental, con el fin de abrir la perspectiva de su análisis hacia una reflexión desde el problema del origen del sentido y su despliegue textual.La cuestión de la violencia será enfocada en torno a dos aspectos de la obra de Derrida: 1) la tesis general sobre la economía (...)
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  11.  6
    Sobre a Relev'ncia Filosófica Do Argumento Do Milagre.Edna Alves de Souza - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (4):47-80.
    Resumo: Neste artigo, argumentamos a favor de uma versão sofisticada do realismo científico, tendo como eixo norteador a análise do desempenho do que consideramos ser o seu elemento de defesa estratégico: o “argumento do milagre”. O realismo científico é a perspectiva comprometida com as nossas melhores teorias científicas, isto é, com a existência de entidades, processos, relações etc., observáveis ou inobserváveis, indispensáveis para explicar o seu sucesso empírico, em particular, com aqueles componentes das teorias que são cruciais para se alcançar (...)
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  12.  1
    Derrida Lector de Kant: Consideraciones Sobre la Subjetividad Estética.Alejandro Valenzuela Aldridge - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (3):55-72.
    Resumen: Este artículo presenta una revisión detallada de la deconstrucción de la subjetividad estética moderna ensayada por Jacques Derrida en su confrontación con la célebre e influyente Kritik der Urteilskraft de Kant y, a la vez, sitúa esta empresa en el contexto mayor del corpus derridiano por medio de la explicitación de la vasta red conceptual que la sostiene. En último término, lo que aquí se explora -siguiendo siempre a Derrida- es una comprensión de la experiencia estética como sustracción, como (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  13.  2
    La Imagen Latente: Walter Benjamin y la Historia Del Arte.Cecilia Bettoni - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (3):143-152.
    Resumen: El presente artículo se propone examinar la clausura del concepto benjaminiano de aura como noción válida para pensar la experiencia estética contemporánea. En este sentido, un primer objetivo consiste en rehabilitar tal concepto, cotejando su definición en el famoso ensayo sobre la reproductibilidad técnica con las diversas formulaciones que el mismo Benjamin elabora al respecto en otros ensayos, en los que la gravitación del aura se desplaza desde una cualidad objetiva, anidada en la obra misma, hacia una facultad perceptual (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  14.  1
    Deleuze E a Imagem: Um Problema Estético.Danilo Bilate - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (3):153-170.
    Resumo: Este artigo busca investigar possíveis significações da palavra “imagem”, que se depreendam dos textos de Deleuze sobre as artes, através de uma pesquisa filológica que respeita a cronologia de suas obras. Essa noção de imagem, fundamental para a Estética, aparece em seus comentários sobre Proust, o cinema, Bacon e Beckett, principalmente, seja com o uso do termo “imagem”, seja com os termos “signo” e “ideia”, àquele correlatos. Assim, verifica-se um vácuo na década de 70, de modo que, se a (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  15.  2
    ¿Puede El Cine Darnos Qué Pensar? Wong Kar-Wai y la Poética Del des-Encuentro.Carlos Fernando Alvarado Duque - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (3):171-190.
    Resumen: ¿Puede el cine filosofar? ¿Puede la imagen en movimiento ser medio para que la filosofía opere en otra materia expresiva? Este artículo tiene como interés auscultar la capacidad de ciertos cines de hacer filosofía al interior de la gran pantalla. Por eso, se exponen las líneas teóricas que permiten la defensa de un cine filosófico capaz de ofrecer conceptos a través de la dimensión expresiva propia de las imágenes en movimiento. Dicho proceso tiene lugar al interior del trabajo poético (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  16.  2
    Schopenhauer E a Topica Admirationis: Sobre a Origem da Filosofia.M. R. Engler - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (3):9-32.
    Resumo: No texto A necessidade metafísica do homem, Schopenhauer elabora considerações fundamentais sobre sua metafísica imanente e, na ânsia de explicar por que o homem filosofa, alia-se a uma longa tradição de pensadores que viram na admiração o impulso metafísico do homem. Ele reinterpreta as duas mais famosas sentenças sobre o tema consoante o tom de sua filosofia. A origem da filosofia torna-se o resultado de fatores como a separação entre vontade e intelecto e a constatação de que o mundo, (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  17.  1
    Validez Ejemplar, Sentido Común y Universalismo: Um Estudio Sobre la Ejemplaridad En Kant y En la Retórica Aristotélica.Juan Carlos Castro Hernandez - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (3):33-54.
    Resumen: Una de las nociones más controvertidas dentro de las interpretaciones contemporáneas de la Crítica de la facultad de juzgar, es la de “sentido común”. Junto a éste, Kant propuso un nuevo modelo de validez normativa calificada como “ejemplar”, cuyo planteamiento resulta bastante problemático. El presente artículo propone una lectura y una interpretación de este tipo de validez, a partir de la reactualización realizada por Alessandro Ferrara, y desde el horizonte de la tradición retórica, representada por Aristóteles Con ello se (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  18.  2
    Genet E o Mal: Sartre Entre a Ética E a Estética.Marcelo Prates - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (3):191-218.
    Resumo: Este artigo tem por objetivo apontar uma relação entre a estética e a ética em Sartre, mostrando que a constituição ética do indivíduo não se distingue da sua constituição estética. Primeiramente, parte-se da crítica que Merle faz em seu artigo à psicanálise existencial e se evidencia como o encontro com a história e a postulação de uma teoria da personalização nas obras biográficas destituem tais críticas. Num segundo momento, legitimam-se as postulações anteriores, apontando-se como na obra Saint Genet Sartre (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  19.  1
    Variaciones Greenberg: Apogeo y Debacle de Un Crítico de Arte.Nicholas Rauschenberg - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (3):119-142.
    Resumen: Partiendo del texto clásico Vanguardia y kitsch, nos proponemos analizar la obra del crítico norteamericano Clement Greenberg. Después de la intervención del Estado norteamericano en el arte entre 1935 y 1943, Clement Greenberg surge como uno de los principales críticos que buscaron unificar el “arte elevado” de ese país. Para tanto, el crítico norteamericano busca justificar el nivel artístico de esa vanguardia acercando esa producción a las vanguardias europeas, especialmente el cubismo. Veremos los problemas de Greenberg al forjar una (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  20.  3
    O Que Significa E Com Que Fim Se Estuda a História Universal?Friedrich Schiller & Felipe Vale da Silva - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (3):219-242.
    Resumo: Este artigo tem por objetivo apontar uma relação entre a estética e a ética em Sartre, mostrando que a constituição ética do indivíduo não se distingue da sua constituição estética. Primeiramente, parte-se da crítica que Merle faz em seu artigo à psicanálise existencial e se evidencia como o encontro com a história e a postulação de uma teoria da personalização nas obras biográficas destituem tais críticas. Num segundo momento, legitimam-se as postulações anteriores, apontando-se como na obra Saint Genet Sartre (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  21.  3
    Lessing Na Estética de Adorno: Música, Pintura E a Questão da Pseudomorfose.Eduardo Socha - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (3):91-118.
    Resumo: Neste artigo, propõe-se uma confrontação entre a teoria dos signos de Gotthold E. Lessing, tal como exposta em Laocoonte ou sobre as fronteiras da pintura e da poesia, e os dois ensaios de Theodor W. Adorno sobre as relações entre música e pintura. Pretende-se, com isso, demonstrar a presença decisiva de elementos da estética clássica alemã no pensamento adorniano do pós-guerra; em particular, observa-se o modo pelo qual a teoria racionalista de Lessing atua na abordagem dialética adorniana a respeito (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  22.  2
    Arte E Natureza: Sobre a Viagem de Goethe À Itália.Pedro Süssekind - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (3):73-90.
    Resumo: O ensaio a seguir tematiza o livro Viagem à Itália, no qual J. W. Goethe relata o período passado em território italiano, nos anos de 1786 e 1787. Procuro contextualizar essa viagem na vida e na carreira do escritor, servindo-me, para isso, especialmente de um texto sobre ele escrito por Walter Benjamin. Comento as observações de Goethe sobre a natureza, ligadas a suas pesquisas científicas, mas meu principal interesse são as observações sobre a arte e sobre a Antiguidade. Nestas, (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  23.  10
    DAVIS, Angela. Mulheres, Raça E Classe. Tradução de Heci Regina Candiani. São Paulo: Boitempo, 2016, 244p.Aléxia Bretas - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (2):235-246.
    Resumo: Para ampliar a compreensão das problemáticas ambientais atuais, este texto reúne as análises interpretativas de dois documentos, os quais, por possuírem perspectivas distintas, contribuem significativamente com o estudo da teoria fleckiana. São dois coletivos de pensamento desenvolvendo práticas científicas com intencionalidades advindas das opções teóricas e políticas, configurando um processo dinâmico de produção de conhecimento. A essência de cada um desses coletivos de pensamento consiste na ampliação e na disseminação da ideia transpessoal, por ela não pertencer, de forma exclusiva, (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  24.  4
    Schmitt Para Las Izquierdas: Notas Sobre Marxismo y Política.Martín Cortés - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (2):151-164.
    Resumen: El texto propone un recorrido sucinto por los modos en que las lecturas marxistas de fines de los años setenta del siglo XX se apropiaron de la figura de Carl Schmitt, con el propósito de enriquecer con su concepción fuerte de lo político lo que era considerado una debilidad propia del marxismo: su teoría política. Se toman dos casos paradigmáticos en materia de articulación entre Schmitt y Marx: el del italiano Mario Tronti y el del argentino José María Aricó. (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  25.  5
    La Hegemonia En Su Mutuo Anudamiento Óntico-Ontológico En la Teoria Política de Ernesto Laclau.Hernán Fair - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (2):165-194.
    Resumen: Este artículo analiza cómo se encadenan los planos de lo ontológico y lo óntico en la Teoría Política del Discurso de Ernesto Laclau. Se concluye que, desde el plano ontológico, la hegemonía constituye una forma político-discursiva de articulación y universalización relativa, precaria, contingente y parcial de los particularismos en significantes vacíos que actúan como puntos nodales. Desde el nivel fenoménico-político, Laclau pone en juego estos conceptos para mostrar el desplazamiento y contaminación discursiva entre lo particular y lo universal en (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  26.  2
    Questão Ambiental E Coletivo de Pensamento.Munir Jorge Felicio - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (2):213-234.
    Resumo: Para ampliar a compreensão das problemáticas ambientais atuais, este texto reúne as análises interpretativas de dois documentos, os quais, por possuírem perspectivas distintas, contribuem significativamente com o estudo da teoria fleckiana. São dois coletivos de pensamento desenvolvendo práticas científicas com intencionalidades advindas das opções teóricas e políticas, configurando um processo dinâmico de produção de conhecimento. A essência de cada um desses coletivos de pensamento consiste na ampliação e na disseminação da ideia transpessoal, por ela não pertencer, de forma exclusiva, (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  27.  6
    Consecuencias Alternativas: La Importancia de Su Conocimiento En la Implementación de Políticas.Leonardo Ivarola - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (2):195-212.
    Resumen: En el presente trabajo se examinarán las distintas clases de conocimientos que se requieren para una correcta implementación de política. Cartwright y Hardie han criticado el enfoque de la política basada en la evidencia por estar fundamentado en inferencias inductivas, y han propuesto un enfoque alternativo donde, por un lado, el principio causal o variable política se abstraiga lo máximo posible como para superar cualquier problema de validez externa, y por el otro, que este principio sea complementado con un (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  28.  2
    Esclarecimento E Educação Em Kant: A Autonomia Como Projeto de Melhoramento Humano.José Edmar Lima Filho - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (2):59-84.
    Resumo: A presente exposição propõe a tese, com base no pensamento de Immanuel Kant, de que educação e melhoramento humano são noções que se implicam necessariamente. Isso significa que não se pode conceber, desde a posição kantiana, uma proposta pedagógica cujo cume não desemboque na construção de si do sujeito como instância racional teórico-prática. Parte-se, pela leitura imanente da opera kantiana, da necessidade da admissão da unidade da razão, para se desdobrarem os argumentos que pretendem justificar a posição da pedagogia (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  29.  3
    Trasímaco E a Téchne Do Governo.Luiz Maurício Bentim da Rocha Menezes - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (2):9-30.
    RESUMO: Ao associar governo à téchne, Trasímaco estabelece que o governo também exige um conhecimento específico. Esse saber permitiria que o governante pudesse beneficiar-se dos governados, tirando proveito deles. Em sua definição de governo, ele aproximará essa téchne do governo ao governante injusto, mais especificamente o tirano. Neste trabalho, pretende-se analisar a relevância dos argumentos de Trasímaco para a filosofia política. ABSTRACT: By associating government with téchne, Thrasymachus states that government requires specific knowledge. This knowledge allows the ruler to benefit (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  30.  4
    Método E Estrutura Social: A Crítica Marxista de István Mészáros À Lógica de Hegel.Rafael Lessa Vieira de Sá Menezes - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (2):107-122.
    Resumo: Neste trabalho discute-se a crítica de István Mészáros à Lógica de Hegel. Aponta-se como o marxismo realiza a crítica aos pontos de partida e de chegada da Ciência da lógica, quais sejam, o pensamento sem pressupostos e o círculo auto-constituído da Lógica. Com isso, indica-se a diferença entre os modos hegeliano e marxista de conceber o enraizamento do conhecimento no processo de vida real. Discute-se ainda como István Mészáros realizou uma dura crítica à hipostasiação do método dialético em G. (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  31.  3
    The Aristotelian Theory of Regimes and the Problem of Kingship in Politics III.Richard Romeiro Oliveira - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (2):31-58.
    : The main purpose of this paper is to understand the complex and many-sided nature of the theory of regimes elaborated by Aristotle in Politics III. We identify the main philosophical and conceptual elements that make it possible for the philosopher to accomplish a vigorous defense of the thesis that kingship can be considered, under certain political circumstances, the best form of government. Resumo: A proposta principal do presente artigo é compreender o caráter complexo e multifacetado da teoria dos regimes (...)
    Direct download (5 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  32.  8
    Teses Ad Feuerbach E a Educação.Rafael Rossi - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (2):85-106.
    Resumo: O presente texto aborda as Teses ad Feuerbach elaboradas por Marx, com intuito de extrair elementos de ordem ontometodológica que possam subsidiar a reflexão à filosofia da educação. Entendemos, na esteira de Lukács e Mészáros, que o pensamento marxiano se distingue qualitativamente do padrão de cientificidade moderno, em razão da instauração de uma ontologia de base materialista e dialética do ser social. Isso significa que a teoria social marxiana possui, como seu núcleo mais essencial, a historicidade na abordagem ontológica (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  33.  4
    O Problema da Propriedade Privada Para o Jovem Marx.Julia Lemos Vieira - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (2):123-150.
    Resumo: O problema da perversão da comunidade social pela propriedade privada se tornara, para Marx, com o estudo dos socialistas utópicos e especialmente de Proudhon, bastante claro: não sendo um desenvolvimento necessário, e sim casual, a propriedade privada - e a cisão entre interesse particular e interesse geral dela proveniente - poderia ser subsumida. O presente artigo visa a demonstrar como, na busca de um republicanismo de tom rousseauniano e crítico ao liberalismo burguês, Karl Marx flertou com a crítica dos (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  34.  6
    Freud E Spinoza a Razão, a Necessidade E a Liberdade.Rogério Miranda de Almeida & Allan Martins Mohr - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (1):79-100.
    Resumo Tencionamos, nestas reflexões, analisar os conceitos spinozianos de Deus, do homem e da razão, para, a partir do caráter necessário que os permeia, interrogarmos se existiria também a possibilidade de uma liberdade humana no pensamento do autor da Ética. Se tal liberdade existe, ela estaria situada no próprio plano racional, o que, por sua vez, levantaria ingentes problemas. A mesma questão - a da possibilidade de uma liberdade, em Freud - estaria colocada na margem de ação que, até certo (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  35.  6
    As Concepções de Liberdade Em Locke E Sidney.Alberto Ribeiro Gonçalves de Barros - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (1):57-78.
    Resumo O objetivo deste texto é cotejar as concepções de liberdade natural e de liberdade civil de John Locke e de Algernon Sidney. Se ambos escreveram seus tratados em resposta ao panfleto de Robert Filmer, Patriarcha, or the naturall power of kings defended against the unnatural liberty of the people, com críticas muito parecidas, as concepções de liberdade apresentadas, apesar das semelhanças, revelam nuanças significativas, com relevantes implicações em alguns casos, como na possibilidade de o governo deter a prerrogativa de (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  36.  8
    Princípio Do Prazer Como Regulador de Uma Civilização Em Declínio.Francisco Verardi Bocca - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (1):123-152.
    Resumo: Neste artigo, recusa-se o frequente pessimismo de Freud, tantas vezes denunciado por seus leitores, em relação à vida dos homens e aos destinos da humanidade, recusa auxiliada pela distinção, em sua obra, entre o domínio da metapsicologia e o da clínica. O primeiro domínio, fortemente associado à sistematização da psicanálise, admite um determinismo naturalista que, em seus termos, não prevê a autodeterminação do homem, da civilização e seus destinos, isto é, não tem a liberdade como uma noção operatória, caso (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  37.  10
    The Understanding of the Body and Movement in Merleau-Ponty.Patricia Moya Cañas - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (1):201-226.
    : The author seeks an explanation for Merleau-Ponty's expression "the body understands", to which a real value is applied: the objects of the world have a signification that the body grasps by way of perception. The analysis focuses on Merleau-Ponty's Phenomenology of perception and on notes from two of his courses, Le monde sensible et le monde de l'expression and La nature. In these works, there is a constant allusion to the I can as an underlying and grounding mode with (...)
    Direct download (4 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  38.  4
    Bemerkungen Ou Beobachtungen? Sobre as "Observações Psicológicas" de Schopenhauer E Rée.Vilmar Debona - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (1):153-178.
    Resumo: O artigo investiga os dois diferentes modelos de "observação psicológica" que Arthur Schopenhauer e Paul Rée elaboraram, enquanto parte de suas filosofias morais, pretendendo elucidar as críticas do último à moralidade e à psicologia empírica do primeiro. Para tanto, num primeiro momento, a investigação pauta alguns dos principais conceitos da filosofia moral schopenhaueriana, para, com isso, especificar os principais momentos da elaboração da referida psicologia empírica e o seu alcance no interior dessa filosofia. Destaca-se o caráter descritivo - mas, (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  39.  8
    Fenomenologia E Psicopatologia Em Sartre: "Irreal Normal" E "Irreal Patológico".Gustavo Fujiwara - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (1):179-200.
    Resumo: Este artigo pretende investigar a maneira pela qual o filósofo francês Jean-Paul Sartre enquadra, em sua psicologia fenomenológica da imaginação, a problemática acerca do irreal normal e do irreal patológico. Estruturando psicofenomenologicamente a atividade da consciência imaginante, será possível ver que a imagem difere radicalmente da percepção, mas ambas permanecem, contudo, consciência intencional. Nessa toada, cabe a indagação: se toda consciência imaginante é consciência intencional, como enquadrar as experiências alucinatórias?: The aim of the present article is to investigate how (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  40.  4
    A Questão da Natureza Humana: Kant Leitor de Rousseau.Joel Thiago Klein - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (1):9-34.
    Resumo Este artigo analisa a influência da filosofia de Rousseau na teoria antropológica de Kant. No primeiro momento, apresentam-se as semelhanças e diferenças acerca do modo como cada autor compreende o estado de natureza. No segundo momento, estabelece-se uma comparação entre o conceito de sociabilidade insociável de Kant e os conceitos de piedade e amor próprio, na filosofia de Rousseau.This paper analyses the influence of Rousseau’s philosophy on Kant’s anthropological theory. Firstly, the similarities and differences between each philosopher’s understanding of (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  41.  10
    El Silencio y la Palabra Merleau-Ponty, Derrida y Los Márgenes Del Lenguaje.Andrea Potestà - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (1):227-244.
    Resumen: El artículo pretende realizar una confrontación entre el modelo fenomenológico de Merleau-Ponty y la propuesta deconstructiva de Derrida acerca del tema del lenguaje y de la problemática genética. En Merleau-Ponty, la cuestión genética se vincula a la noción de cuerpo y a la expresividad precategorial de los gestos, en los que el silencio describe una dimensión opaca e inalcanzable temáticamente, pero originaria y decisiva para la mirada fenomenológica. Por otra parte, Derrida es un crítico muy radical de todo uso (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  42.  13
    Para Una Crítica de la Violencia En Psicoanálisis: De la Violencia Originaria de la Ley a Su Tramitación Trágica.José Cabrera Sánchez - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (1):101-122.
    Resumen Para Freud la relación entre violencia y ley parece indisociable, en tanto la instauración de esta última depende de una violencia inaugural, la que en lugar de quedar limitada a este momento inicial continúa activa a través de los propios mecanismos psíquicos que encarnan la función de la ley, de manera tal que la ley se encuentra coludida permanentemente con la misma violencia que intenta regular. Pensamos que este dilema es equivalente al delimitado por Benjamin en Para una crítica (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  43.  7
    Las Concepciones de Hombre y de Trabajo En Miguel de Unamuno.Emanuel José Maroco dos Santos - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (1):35-56.
    Resumen Las concepciones de hombre y trabajo están íntimamente interconectadas dentro del pensamiento de Miguel de Unamuno. La persona, sin reducirse a ninguna forma de instrumentalización política y económica, no es un mero medio, sino un fin en sí misma. Unamuno no escamotea su lucha en contra del capitalismo y de la transformación de lo económico y de lo político en mero valor de cambio. No nos extraña, pues, que nuestro autor, no conformándose con los efectos del materialismo mercantilista, proponga (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  44.  13
    HORKHEIMER, Max. Eclipse da Razão. Tradução de Carlos Henrique Pissardo. São Paulo: Editora da Unesp, 2015, 207p.Rafael Cordeiro Silva - 2019 - Trans/Form/Ação 42 (1):245-254.
    Resumen: El artículo pretende realizar una confrontación entre el modelo fenomenológico de Merleau-Ponty y la propuesta deconstructiva de Derrida acerca del tema del lenguaje y de la problemática genética. En Merleau-Ponty, la cuestión genética se vincula a la noción de cuerpo y a la expresividad precategorial de los gestos, en los que el silencio describe una dimensión opaca e inalcanzable temáticamente, pero originaria y decisiva para la mirada fenomenológica. Por otra parte, Derrida es un crítico muy radical de todo uso (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
 Previous issues
  
Next issues