16 found

Year:

  1. Oito Teses Sobre O Universal.Alain Badiou - 2008 - Ethic@ 15 (2):41-50.
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  2. Ser E Espacialização.Alain Badiou, Norman Madarasz & Marios Constantinou - 2008 - Ethic@ 15 (2):21-40.
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  3. The State Of Exception In Kant’s Theory Of Judgement And Badiou’s Restrained Action: O Estado De Exceção Na Teoria Do Juízo De Kant E Na Ação Restrita De Badiou.Marios Constantinou - 2008 - Ethic@ 15 (2):67-91.
    The intent of this paper is to rethink judgement as a tendency of the exception,traces of which can be tracked in Kant’s “Metaphysics of Morals” and the“Critique of Judgement.” What is aspired is to render the complexity ofKantian notions of judgement by fathoming their political implications; byseizing, that is, both their explanatory power and fateful inadequacies whenfaced with Modernity’s inaugural revolutionary upheavals, tainted beginningsand colonial expansions. Ultimately, I try to work out an alternative byretrieving Mallarmé’s “Action Restrained,” supported by a (...)
    No categories
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  4. O Que É O Real? Badiou, Deleuze E Uma Disputa Urgente: What Is The Real? Badiou, Deleuze And An Urgent Dispute.Eladio C. P. Craia - 2008 - Ethic@ 15 (2):93-118.
    O presente texto analisa um dos desdobramentos reflexivos que se organizamem torno da ontologia virtual de Gilles Deleuze. A questão central que serávisitada se origina na afirmação, por parte de Deleuze, da realidade e davirtualidade da multiplicidade do real. Esta declaração fundamental do autorde Diferença e repetição promove uma polemica ou uma disputa com AlainBadiou, a qual é apresentada conceitualmente no seu texto: Deleuze o clamordo Ser. Aquilo que se encontra em pauta é a possibilidade de que umamultiplicidade seja efetivamente (...)
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  5. A Geologia Da Moral:uma Interpretação Neo-materialista.Manuel de Landa - 2008 - Ethic@ 15 (2):141-163.
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  6. Aristóteles E O Prazer Da Comédia.Leon Golden - 2008 - Ethic@ 15 (2):137-147.
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  7. As Noções De Conjunto Vazio E De Unidade Cardinal: A Condição De Possibilidade Da Apresentação Do Múltiplo – Um Diálogo Entre Alain Badiou E Georg Cantor: The Notions Of Empty Set And Cardinal Unit: The Condition Of Possibility Of The Presentation Of The Multiple – A Dialogue Between Alain Badiou And Georg Cantor.Walter Gomide - 2008 - Ethic@ 15 (2):53-65.
    O conceito de conjunto “vazio” perpassa a matemática como um de suasmais intrigantes noções. Reflexo do não-ser na linguagem matemática, o“vazio”, ao mesmo tempo, aponta para a absoluta multiplicidade fundantedo ato de contar; neste sentido, o vazio traz consigo o lastro que permite aapresentação de qualquer múltiplo. Badiou, muito sagazmente, mostra comoo vazio é o nome do ser absoluto expresso na matemática, sendo a condiçãode possibilidade da própria unidade. Neste sentido, o vazio badiounianomuito se assemelha à unidade cardinal de Cantor, (...)
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  8. Three Theories Of Singularity In The Debate Between Structuralism And Naturalized Phenomenology:René Thom, Jean Petitot And Alain Badiou: Três Teorias Da Singularidade No Debate Entre Estruturalismo E Fenomenologia Naturalizada: René Thom, Jean Petitot E Alain Badiou.Norman Madarasz - 2008 - Ethic@ 15 (2):119-138.
    In this paper, we discuss one of the key operators in contemporary ontology:singularity. Singularity is a concept developed primarily in France through thespecific mathematical philosophy of René Thom. Jean Petitot, one of Thom’smost distinguished disciples and one of France’s most important philosophers,develops a notion of singularity which, he argues, is already present in Husserl’sphenomenology. Moreover, singularity appears to be a concept akin to Husserl’srelatively undeveloped “vague morphological entities”. Petitot argues thatthrough a convergence of Thom and Husserl, a naturalized phenomenologycan formalize (...)
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  9. La Doctrine De L’oikeiosis Dans L’ancien Stoïcisme.Clara Acker - 2008 - Ethic@ 15 (1):105-135.
    Partindo da tese de Pembroke, segundo a qual a doutrina da oikeiosis é umapeça essencial da filosofia estóica, procuramos demonstrar que é justamenteessa doutrina, que assegura a perfeita coesão entre Física e Ética na Escolaestóica. Para os estóicos, virtude é viver segundo a Natureza, ela será odesenvolvimento de um dom natural, a oikeiosis, a capacidade de todo servivo de reconhecer a si mesmo e aquilo que lhe é apropriado. Conciliando asinterpretações de Pohlenz e de White,entendemos com Chrysippo que as duas (...)
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  10. Catarse Na Tragédia Grega: Aprendendo A Viver, “VIVENDO”.Izabela Bocayuva - 2008 - Ethic@ 15 (1):35-42.
    Na Poética, Aristóteles vê a poesia, isto é, o mito, enquanto imitação da dormais radical, imitação do terrível, a saber, o pura e simplesmente inexorávelque se encontra na ambiência do que os gregos antigos entendiam por moira,destino. O adequado uso do mito no espetáculo trágico é o que, segundo oestagirita, conduz à catarse: purificação do terror e da piedade. O quepretendemos é investigar a relação estreita entre o que, na Poética, é chamado“purificação” e aquilo que aqui será explicitado como “dor (...)
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  11. Sobre O Trágico E A Teoria Da Amizade.Joao Belisario de Carvalho - 2008 - Ethic@ 15 (1):43-57.
    RAristóteles encontra o trágico nos limites entre a metafísica e a ética. Háalgo trágico na vida moral, ligado a esta região, que está presente também nodesenvolvimento de sua teoria da amizade. Levando em conta esta herança,a abordagem que apresentarei prioriza passagens que enfatizam: aspectosda interdependência entre amigos e cidadãos, e da vulnerabilidade que elaacarreta; e as distâncias e limites que, por um lado, separam o homem deaspirações divinas inalcançáveis mas, por outro, ajudam a delimitar e a manterum humanismo trágico, nem (...)
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  12. A Tragédia Grega Sob Uma Perspectiva Interpretativa Ético-político-educacional.Susana de Castro - 2008 - Ethic@ 15 (1):21-33.
    Neste trabalho é investigada a razão pela qual Aristóteles diz na Poética quea Tragédia é superior a Epopéia. É descartada a tese estético-quantitativasegundo a qual a superioridade da Tragédia adviria do maior número deelementos estéticos presentes nela. Considera-se que há uma razão de fundoético-político-educacional para essa escolha. Baseando-se na leitura deChristian Meier a autora expõe em linhas gerais a formação da democraciaateniense e a função dos festivais trágicos dentro dela. Procura demonstrarporque mesmo não sendo favorável à democracia, Aristóteles acreditava quea (...)
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  13. Uma Hipótese Sobre O Banquete De Platão.Irley Franco - 2008 - Ethic@ 15 (1):59-74.
    Nesse artigo tento mostrar que o discurso de Sócrates no Banquete não podepor si só expressar a visão platônica do amor. Todos os discursos não filosóficos,que ali representam diferentes concepções do amor contemporâneas a Platão,devem ser considerados seriamente, e não desprezados como meros pastichesde teorias da época, introduzidos com a finalidade única de exibir asuperioridade da filosofia. Ao contrário, esses discursos parecem ter sido alicolocados como rivais verdadeiros, capazes de confrontar a filosofia e testar aforça de seu logos, pois, não (...)
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  14. O Conceito De Justiça Social Na República De Platão.Claudio Leivas - 2008 - Ethic@ 15 (1):75-92.
    O presente artigo procura apresentar as linhas gerais do conceito de justiçasocial na República de Platão, com o propósito de mostrar a forma como suateoria política surge em sua estratégia argumentativa.Palavras-chave: Justiça, Política, EstadoThe article intends to present Plato’s general ideas on the concept of socialjustice, and to show the way in which his political theory arises in hisargumentative strategy.
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  15. Sobre A Ética E A Poética De Aristóteles.Edson Resende & Joao Carvalho - 2008 - Ethic@ 15 (1):11-19.
    Apresentamos um breve histórico de algumas das principais correntes deinterpretação da Poética com o objetivo de destacar as possíveis conexõesentre a ética e a poética, em Aristóteles. A partir daí, elaboramos algumasreflexões sobre os efeitos benéficos das emoções trágicas e sobre o prazerproporcionado pela tragédia.We introduce an outline of the main interpretations of Aristotle’s Poetics.We intend to emphasize the connections between ethics and poetics. Fromthen onwards, we reflect on the beneficial effects of the tragics emotions andon the pleasure aroused by (...)
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  16. Sobre A Philía Em Epicteto.Antonio Carlos de Oliveira Rodrigues - 2008 - Ethic@ 15 (1):93-104.
    O homem, para Epicteto, é sempre afetado pelo mundo que o cerca. Se nãopolicia os sentimentos não ama, se aprisiona. O estoicismo de Epicteto exigea libertação espiritual do homem a fim de que ele possa saber amar comdesprendimento.Man, for Epictet, is always affected by the world that surrounds him. If unableto harness his feelings, man cannot love, but only be held arrested. Thestoicism of Epictet demands for man’s spiritual liberation in order to make itpossible for him to love freely.
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
 Previous issues
  
Next issues