Antônio Ferreira de Almeida junior no âmbito Das discussões sobre democratizaçãoção

Saberes Em Perspectiva 4 (9):13-23 (2014)

Abstract
Presente texto tem por objetivo o estudo sobre a atuação de Almeida Júnior diante da expansão das escolas e do ensino secundário que ocorreu na década de 1950 em São Paulo, durante o governo estadual de Jânio Quadros. Pretende analisar as origens das críticas formuladas por Almeida Júnior entre 1957-1958, em relação à qualidade de ensino e em defesa da escola elementar, considerando também a conjuntura política marcada pelo populismo. O recorte temporal escolhido, isto é, entre 1957 e 1958, considera a expansão da escola secundária pública que ocorreO u em São Paulo e das acepções apresentadas por Almeida Junior, em relação a qualidade de ensino por ocasião da expansão do ensino nas regiões periféricas da cidade de São Paulo. Como fontes, consideram-se as produções de Marília Pontes Spósito O povo vai à escola e A escola pitoresca de Almeida Júnior
Keywords ensino secundário, populismo, Almeida Júnior, qualidade de ensino
Categories (categorize this paper)
Options
Edit this record
Mark as duplicate
Export citation
Find it on Scholar
Request removal from index
Translate to english
Revision history

Download options

Our Archive


Upload a copy of this paper     Check publisher's policy     Papers currently archived: 40,715
External links

Setup an account with your affiliations in order to access resources via your University's proxy server
Configure custom proxy (use this if your affiliation does not provide a proxy)
Through your library

References found in this work BETA

No references found.

Add more references

Citations of this work BETA

No citations found.

Add more citations

Similar books and articles

Analytics

Added to PP index
2015-01-10

Total views
13 ( #587,794 of 2,243,777 )

Recent downloads (6 months)
1 ( #1,042,515 of 2,243,777 )

How can I increase my downloads?

Downloads

My notes

Sign in to use this feature