Paulo Margutti & José Crisóstomo de Souza sobre o artigo “Nota sobre linguagem e realidade, práticas e coisas”

Cognitio 20 (1):150-158 (2019)

Abstract

Paulo Margutti e José Crisóstomo discutem sobre a possiblidade ou a impossibilidade de ultrapassar o representacionismo correspondentista e principalmente o eventual linguocentrismo da filosofia contemporânea, pós-virada linguística, em que parece que da linguagem pode-se passar apenas à linguagem, a cujo círculo mágico estaríamos, desse modo, inevitavelmente presos. Sendo assim, o mundo “aí fora” novamente nos escapa e o relativismo, o agnosticismo e o ceticismo de novo nos espreitam. Em Nietzsche, é a linguagem, sempre metafórica, que se adéqua aos nossos modos prático-perspectivistas, corpóreos e afetivos, de “recortar” o mundo, ou é o contrário? E em Maturana, o que vem primeiro? Para Crisóstomo, para quem no começo está o ato, ultrapassamos tudo isso através de nosso emaranhamento prático com o mundo, por meio da natureza sensível criativa de nossas práticas e pela tradução de crenças em condutas. Enquanto que, para Margutti, nada disso parece deslocar a primazia incontornável da linguagem, como prática ela própria. Sobre isso, Margutti pergunta pelo suposto aproveitamento, por Crisóstomo, no seu ponto de vista prático-poiético criativo, em versão alegadamente não idealista nem dualista, da noção de autoconsciência, central no idealismo alemão.

Download options

PhilArchive



    Upload a copy of this work     Papers currently archived: 72,856

External links

Setup an account with your affiliations in order to access resources via your University's proxy server

Through your library

Analytics

Added to PP
2021-03-31

Downloads
1 (#1,560,729)

6 months
1 (#386,016)

Historical graph of downloads

Sorry, there are not enough data points to plot this chart.
How can I increase my downloads?

References found in this work

No references found.

Add more references

Citations of this work

No citations found.

Add more citations

Similar books and articles

O Místico No Tractatus de Wittgenstein.Paulo Alexandre E. Castro - 2016 - Clareira: Revista de Filosofia da Região Amazônica 3 (2):84-102.
A Linguagem Trinitária de Novaciano.Maria Freire da Silva - 2016 - Revista de Cultura Teológica 88:106-121.
Tradução: Fragmento sobre música e linguagem.Theodor Adorno - 2008 - Trans/Form/Ação 31 (2):167-171.
A Ontopotencialidade da Linguagem em Heidegger.Paulo Alexandre E. Castro - 2004 - In Isabel Matos Dias & Irene Brges Duarte (eds.), Colóquios. Centro de Filosofia Univ.Lisboa. pp. 405-416.
Retórica E crítica da linguagem em Nietzsche.Rodrigo Francisco Barbosa - 2016 - Philósophos - Revista de Filosofia 21 (2):253-278.
Violências Do Nome: Exceção E Silêncio.Vinícius Nicastro Honesko - 2013 - Revista de Filosofia Aurora 25 (37):171.