Nascimentos da Psicologia: A Natureza e o Espírito

Ideação 32:259-288 (2015)
  Copy   BIBTEX

Abstract

Desde sua constituição como domínio do saber no fim do século XVI, a psicologia divide-se rapidamente em duas tendências com orientações diferentes. A primeira, de inspiração naturalista, situa-se no prolongamento do comentário da Física aristotélica e se desenvolve principalmente nas universidades protestantes de Marburgo e Leiden. Nesses estabelecimentos onde reinava então um espírito humanista, racionalista e tolerante, toma lugar a primeira forma de dualismo da alma e do corpo. Mas na mesma época, em círculos místicos e herméticos, desenvolve-se uma outra concepção da psicologia, cujo método interpretativo inspira-se na exegese bíblica e emprega procedimentos terapêuticos, cuidados da alma e cuidados magnéticos, sustentados sobre a influência psicológica.

Links

PhilArchive

External links

  • This entry has no external links. Add one.
Setup an account with your affiliations in order to access resources via your University's proxy server

Through your library

Similar books and articles

Kierkegaard y Freud: enfermedad, terapéutica y cura.Pablo Uriel Rodríguez - 2013 - Revista de Filosofia Moderna E Contemporânea 1 (2):50-75.
Psicologia e arte: um paradigma estético dos processos de criação.Aline Groff Vivian & Jorge Trindade - 2003 - Aletheia: An International Journal of Philosophy 17:107-121.

Analytics

Added to PP
2016-10-29

Downloads
408 (#49,488)

6 months
76 (#64,685)

Historical graph of downloads
How can I increase my downloads?

Author's Profile

Marcio Miotto
Universidade Federal Fluminense

Citations of this work

No citations found.

Add more citations

References found in this work

No references found.

Add more references