Aufklärung 4 (2):29-38 (2017)

Authors
Abstract
Schopenhauer afirma que uma ética não dogmática requer leis demonstráveis derivadas da experiência. Nesse sentido o fundamento de uma ética deve ser uma metafísica imanente, que sustente, na experiência possível, suas afirmações, e que seja, por isso mesmo, capaz de dar de uma vez por todas um fundamento legítimo à moral. A fundamentação da moral schopenhaueriana segue, portanto, uma argumentação muito próxima de uma metodologia científica. Para Schopenhauer a filosofia deve se aproximar mais de uma cosmologia do que da teologia. Max Horkheimer em “O pensamento de Schopenhauer em relação à ciência e à religião” destaca a fecundidade de tal posição filosófica e atualiza a importância de Schopenhauer tanto para sua formação quanto para uma legítima interpretação da modernidade. Acompanhamos, neste artigo tanto os aspectos fundamentais da fundamentação schopenhaueriana da moral, quanto aspectos da interpretação de Horkheimer da empreitada do filósofo.
Keywords fundamentação da moral   pessimismo   escola de Frankfurt   Schopenhauer
Categories No categories specified
(categorize this paper)
ISBN(s)
DOI 10.18012/arf.2016.33681
Options
Edit this record
Mark as duplicate
Export citation
Find it on Scholar
Request removal from index
Translate to english
Revision history

Download options

PhilArchive copy


Upload a copy of this paper     Check publisher's policy     Papers currently archived: 56,913
External links

Setup an account with your affiliations in order to access resources via your University's proxy server
Configure custom proxy (use this if your affiliation does not provide a proxy)
Through your library

References found in this work BETA

No references found.

Add more references

Citations of this work BETA

No citations found.

Add more citations

Similar books and articles

A Desrição Do Fenômeno Moral Em Schopenhauer E Tugendhat.Leo Afonso Staudt - 2004 - Ethic@ - An International Journal for Moral Philosophy 3 (2):163-176.
A Metafísica da Música de Arthur Schopenhauer.Henry Burnett - 2012 - Veritas – Revista de Filosofia da Pucrs 57 (2):143-162.
Da metafísica do belo à arte como mercadoria: Schopenhauer e a indústria cultural.Leo Afonso Staudt - 2012 - Ethic@ - An International Journal for Moral Philosophy 11 (2):199-210.
Desconfortável consolo: a ética niilista de Arthur Schopenhauer.Jarlee Salviano - 2005 - Cadernos de Ética E Filosofia Política 6:83-108.
Natureza Humana E Fundamento da Ação Moral Em Kant.Adamo Perrucci - 2016 - Revista de Filosofia Moderna E Contemporânea 4 (2):67-78.
Tugendhat e o contratualismo moral: o projeto de fundamentação moral em "Problemas da ética".Andrei Luiz Lodéa - 2010 - Ethic@ - An International Journal for Moral Philosophy 9 (3):2-13.
Schopenhauer's Interpretation of the Categorical Imperative.Peter Welsen - 2005 - Revista Portuguesa de Filosofia 61 (3/4):757 - 772.
Schopenhauer.Robert J. Wicks - 2008 - Wiley-Blackwell.

Analytics

Added to PP index
2018-11-03

Total views
11 ( #796,449 of 2,409,854 )

Recent downloads (6 months)
3 ( #245,811 of 2,409,854 )

How can I increase my downloads?

Downloads

My notes