12 found
Order:
See also
Érico Andrade
Universidade Federal de Pernambuco
  1. O papel da abstração na instanciação da álgebra nas Regulae ad Directionem Ingenii.Érico Andrade - 2011 - Analytica (Rio) 15 (1):145-172.
    In this essay I will defend three points, the first being that Descartes- unlike the aristotelian traditon- maintained that abstraction is not a operation in which the intellect builds the mathematical object resorting to sensible ob- jects. Secondly I will demonstrate that, according to cartesian philosophy, the faculty of understanding has the ability to instatiate- within the process of abstraction- mathematical symbols that represent the relation between quantities, whether magnitude or multitude.And finally I will advocate that the lack of onthological (...)
    Direct download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  2.  62
    O homem vazio: uma crítica ao utilitarismo.Érico Andrade - 2013 - Trans/Form/Ação 36 (2):105-122.
    O objetivo do meu artigo é criticar a compreensão utilitarista do agente moral como átomo racional que está disposto invariavelmente a agir de acordo com o não sofrimento. Minha hipótese é a de que o utilitarismo esvazia os seres humanos de suas motivações para oferecer uma imagem opaca do agente moral. Por isso, ele é incapaz de solucionar dilemas morais que envolvem, por um lado, o autossacrifício por razões afetivas e, por outro, conflitos que opõem culturas distintas. Meu ponto é (...)
    Direct download (6 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  3.  45
    A função do método de análise na constituição do argumento do cogito nas Meditações: uma leitura do cogito através da reductio ad absurdum.Érico Andrade - 2009 - Veritas – Revista de Filosofia da Pucrs 54 (2):155-171.
    Considerando que o cogito possa ser tomado, nas Meditações, como uma conclusão de uma demonstração, pode-se avançar a tese de que essa demonstração está consoante ao método analítico, que Descartes reconhece empreender nesse texto. Esse método teria entre as suas funções nas Meditações aquela de apresentar – sob a forma de uma rede de implicações ontológicas – o raciocínio que conduz à certeza da existência. Como cumpre no referido texto determinar a certeza da existência sem tomar como base nenhuma certeza (...)
    Direct download (2 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  4.  12
    A função do método de análise na constituição do argumento do cogito_ nas _Meditações_: uma leitura do _cogito_ através da _reductio ad absurdum.Érico Andrade - 2009 - Veritas – Revista de Filosofia da Pucrs 54 (2).
    No categories
    Direct download (2 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  5.  2
    Uma Crítica À Teoria da Complexidade Proposta Por Edgar Morin.Érico Andrade - 2007 - Dissertatio 26:167-187.
    O escopo de nosso artigo restringe-se à proposição de uma crítica à teoria da complexidade quanto ao seu pressuposto ontológico: realidade complexa e à inalação decorrente de tal pressuposto; a necessidade de uma ciência da complexidade. Essa crítica visa apontar, por um lado, as insuficiências da referida teoria, marcada por um forte apelo metafísico, quando essa pretende estabelecer um conhecimento a priori e inédito apoiado supostamente num dado empírico ou mais precisamente na complexidade do real. Por outro, nossa crítica tenta (...)
    No categories
    Direct download (2 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  6. A Construção Da Regra Iv Das ?Regras Para Direção Do Espírito? Sob Uma Perspectiva Da ?Mathesis Universalis?Érico Andrade - 2007 - Cadernos de História E Filosofia da Ciência 17 (2).
    Tomar a Regra IV como a junção ? sem o aval de Descartes ? de dois textos distintos passou a ser um lugar comum na literatura sobre aquele texto. Seria necessário explicar a distinção entre os textos recorrendo à outra importante distinção: entre mathesis universalis e método. Com efeito, nosso artigo tenta pôr em questão essa interpretação clássica na medida em que pretende mostrar que a revisão que se opera no seio da matemática torna-a menos uma ciência das grandezas abstratas (...)
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  7.  9
    A irredutibilidade das paixões em Descartes.Érico Andrade - 2018 - Trans/Form/Ação 41 (3):79-104.
    Resumo: O presente artigo tem como objetivo central apresentar uma visão alternativa para o debate sobre o dualismo cartesiano mente e corpo. Nessa perspectiva, vou sustentar a tese de que o dualismo de substâncias cartesiano está presente apenas na metafísica cartesiana e não serve para explicar a condição humana, marcada, notadamente, pelo composto mente e corpo. Desse modo, vou procurar mostrar que as paixões ou emoções, responsáveis por nossos estados mentais, são decorrentes da interação entre a mente e o corpo (...)
    Direct download (3 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  8.  19
    A Opacidade Do Iluminismo: O Racismo Na Filosofia Moderna.Érico Andrade - 2017 - Kriterion: Journal of Philosophy 58 (137):291-309.
    RESUMO O objetivo central do presente artigo é entender as razões filosóficas para o discurso racista no iluminismo. A minha hipótese é de que a filosofia colocou no mesmo patamar de certeza as verdades científicas sobre os objetos naturais e o conhecimento dos diferentes povos. Com isso, ela se autorizou a traçar um horizonte impessoal e objetivo para o qual todos os povos deveriam caminhar no intuito de garantirem a maioridade da razão. Quando determinou o modelo europeu como esse horizonte, (...)
    No categories
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  9. Hipótese E Experiência Na Constituição da Certeza Científica Em Descartes.Érico Andrade - 2006 - Cadernos de História E Filosofia da Ciência 16 (2).
    O dissenso em torno da caracterização da ciência cartesiana quanto ao seu viés metodológico – considerando que os comentários normalmente deferidos sobre essa ciência oscilam entre o idealismo que a considera como a expressão perfeita do método geométrico e o pragmatismo que lhe concebe como a expressão de um projeto falido, dada a incongruência entre o método geométrico e a prática científica – parece residir, sobretudo, na relação do método com a experiência. Ao contrário das interpretações acima expostas, defenderemos que (...)
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   2 citations  
  10.  10
    O mecanicismo em questão: o magnetismo na filosofia natural cartesiana.Érico Andrade - 2013 - Scientiae Studia 11 (4):785-810.
    O objetivo deste artigo é provar que a experiência tem um papel central na ciência cartesiana e que, portanto, Descartes está disposto a abandonar alguns pressupostos teóricos para adequar-se a algumas observações científicas. Meu ponto é que o compromisso de Descartes com as observações científicas é tão forte que, no estudo do magnetismo, ele opta pela inconsistência do seu sistema quando adota uma propriedade do magnetismo que contraria a lei da conservação da quantidade de movimento. Ou seja, mostrarei que Descartes (...)
    Direct download (3 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  11.  2
    À Sombra Do Ceticismo: Divórcio Entre Certeza E Materialidade Do Mundo Em Hume/à L´ombre Du Scepticisme: Divorce Entre Certitude Et Materialité Du Monde En Hume.Érico Andrade - 2012 - Pensando: Revista de Filosofia 3 (6):146-160.
    Meu artigo tem como principal objetivo mostrar que Hume apresenta uma posição cética quanto ao problema do mundo externo. Vou mostrar dois princípios que Hume arrola para se defender do ceticismo, mas que não são suficientes para legitimar ou tronar válida a crença no mundo externo. Argumentarei que para Hume só é possível ter um conhecimento imperfeito do mundo externo. Resumé: Mon article a pour but montrer que Hume présent une position sceptique en ce qui concerne la question du monde (...)
    Direct download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  12. À Sombra Do Ceticismo: Divórcio Entre Certeza E Materialidade Do Mundo Em Hume/À L´Ombre du Scepticisme: Divorce Entre Certitude Et Materialité du Monde En Hume.Érico Andrade - 2013 - Pensando - Revista de Filosofia 3 (6):146.
    Meu artigo tem como principal objetivo mostrar que Hume apresenta uma posição cética quanto ao problema do mundo externo. Vou mostrar dois princípios que Hume arrola para se defender do ceticismo, mas que não são suficientes para legitimar ou tronar válida a crença no mundo externo. Argumentarei que para Hume só é possível ter um conhecimento imperfeito do mundo externo.Resumé: Mon article a pour but montrer que Hume présent une position sceptique en ce qui concerne la question du monde exterieur. (...)
    Direct download (2 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark