Results for 'D'em Boutroux'

185 found
Order:
  1.  40
    Lectures Delivered in Connection with the Dedication of the Graduate College of Princeton University in October, 1913, by Émile Boutroux, Alois Riehl, A. D. Godley, Arthur Shipley. [REVIEW]Emile Boutroux, A. D. Godley, Alois Riehl & A. E. Sir Shipley - unknown
  2.  8
    Introduction. Discours d’ouverture de M. Boutroux, president.Émile Boutroux - 1900 - Bibliothèque du Congrès International de Philosophie 1:11-22.
    No categories
    Direct download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  3. L'Expérience religieuse, Essai de psychologie descriptive.William James, Fr Abauzit & D'em Boutroux - 1906 - Revue de Métaphysique et de Morale 14 (2):4-5.
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  4.  16
    De l'opportunité: D'une edition nouvelle: Des œuvres de Descartes.Émile Boutroux - 1894 - Revue de Métaphysique et de Morale 2 (3):247 - 253.
    Direct download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  5.  8
    Séance d'ouverture mercredi, 1 er aout.M. E. Boutroux - 1900 - Revue de Métaphysique et de Morale 8 (5):503 - 524.
    No categories
    Direct download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  6.  4
    Études d'histoire de la philosophie, 1 vol.Émile Boutroux - 1898 - Revue de Métaphysique et de Morale 6 (1):1-1.
    No categories
    Direct download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  7.  3
    Etudes d'Histoire de la Philosophie.H. N. Gardiner & Emile Boutroux - 1898 - Philosophical Review 7 (2):191.
    No categories
    Direct download (3 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  8.  4
    Travaux d'école normale.Emile Boutroux - 1925 - Revue de Métaphysique et de Morale 32 (1):31 - 52.
    No categories
    Direct download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  9. Nouvelles Études d'Histoire de la Philosophie.Emile Boutroux - 1927 - Libraire F. Alcan.
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  10. Nouvelles Études d'histoire et de philosophie.Émile Boutroux - 1928 - Revue de Métaphysique et de Morale 35 (2):10-10.
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  11. Nouvelles études d'histoire de la philosophie.Emile Boutroux - 1929 - Revue Philosophique de la France Et de l'Etranger 107:472-472.
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  12.  11
    Etudes d'Histoire de la Philosophie.Emile Boutroux - 1898 - Alcan Germer-Baillière.
    No categories
    Direct download (4 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  13. Études d'Histoire de la Philosophie Allemande.Emile Boutroux - 1926 - J. Vrin.
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  14. Contingence Et Rationalisme Pages d'Histoire Et de Doctrine.Lionel Alexandre Dauriac, Emile Boutroux, Octave Hamelin, Jules Lachelier & Louis Liard - 1924 - Vrin.
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  15. La Conscience française et la Guerre.G. Belot & D'Émile Boutroux - 1923 - Revue Philosophique de la France Et de l'Etranger 95:464-465.
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  16. Lectures Delivered in Connection with the Dedication of the Graduate College of Princeton University in October, 1913.Emile Boutroux, Alois Riehl, A. D. Godley & A. E. Shipley - 1914 - Princeton University Press.
    No categories
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  17. Généalogie d'un néokantisme fran‡ais: à propos d'Emile Boutroux: à propos d'Emile Boutroux.Fabien Capeilleres - 1998 - Revue de Métaphysique et de Morale 3:405-446.
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  18.  14
    La philosophie d'émile boutroux.Léon Brunschvicg - 1922 - Revue de Métaphysique et de Morale 29 (3):261 - 283.
    Direct download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  19.  7
    La Philosophie d'E. Boutroux.A. P. Fontaine - 1920 - Philosophical Review 29 (5):501-502.
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  20. La Philosophie d'Emile Boutroux.Leon Brunschvicg - 1923 - Philosophical Review 32:437.
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  21. Die Frage der jüdischen Identität in den Werken von EM Lilien und anderen jüdischen Künstlern des späten 19. und 20. Jahrhunderts La question de l'identité juive dans les oeuvres d'EM Lilien et d'autres artistes juifs du XIXe-XXe s. [REVIEW]H. Kunzl - 1988 - Kairos (misc) 30:188-217.
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  22.  12
    Razão E sensação em teeteto 201 D -202 C.Anderson de Paula Borges - 2010 - Philósophos - Revista de Filosofia 15 (1):13-47.
    The aim of this paper is to make a brief discussion about three aspects that characterize the Socrates's Dream in the Theaetetus . First, I comment the function of the Dream in the context of the third definition of knowledge. Them I move on the text and examine some questions concerning the notion of logos in 201 d -202 c . In the last section I discuss the problem of perception of the stoicheia . At this point I refuse the (...)
    Direct download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  23.  31
    Raison d'État Em Montaigne.Gilmar Henrique da Conceição - 2012 - Kriterion: Journal of Philosophy 53 (126):499-507.
    Em "Do útil e do honesto" Montaigne indaga se, na defesa do Estado, haveria limites éticos para a ação do príncipe. O príncipe deve pautar-se pelo útil ou pelo honesto? Argumenta que o "devoir publique" é o limite da dedicação do súdito a um príncipe, o qual deve preservar a liberdade de julgamento. Ir além dos limites da consciência no serviço público é arriscar a confiança dos outros na veracidade de suas próprias palavras. Não há razão superior à razão de (...)
    Direct download (6 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  24.  10
    Marcas D’Água de Livros Impressos Em Portugal Watermarks of Printed Books in Portugal . Collection in the Library of the Academia Das Ciencias de Lisboa.Henrique Tavares E. Castro - 2014 - Cultura:39-43.
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  25.  21
    Contribuição Ao Conhecimento da Ecologia Do Cerrado. Estudo Comparativo da Economia D’Água de Sua Vegetação, Em Emas , Campo Grande E Goi'nia. [REVIEW]M. G. Ferri & L. M. Coutinho - 1958 - Boletim da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras, Universidade de São Paulo. Botânica 15:103.
    No categories
    Direct download (3 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  26.  18
    O Estatuto Do Corpo Em Esquisse d'Une Théorie des Émotions, de Jean-Paul Sartre.Marcelo Galletti Ferretti - 2013 - Trans/Form/Ação 36 (3):129-154.
    Direct download (4 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  27.  11
    Carta de Marin Mersenne a Antoine d'Rebours em Paris.Martin Mersenne - 2004 - Scientiae Studia 2 (2):251-256.
    No categories
    Direct download (2 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  28.  11
    HERVIEU-LÉGER, D. O peregrino e o convertido: a religião em movimento. Petrópolis: Vozes, 2008.Rodrigo Coppe Caldeira - 2010 - Horizonte 8 (16):177-181.
    Direct download (5 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  29.  6
    Raison d'État Em Montaigne.Gilmar Henrique da Conceição - 2012 - Kriterion: Journal of Philosophy 53 (126):499-507.
    Direct download (2 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  30. Projecto Plutarco E Os Fundamentos da Identidade Europeia (Relatório de Progresso de Actividades) a soPlutarco (Sociedade Portuguesa de Plutarco), Em Articulação Com a Ui&D Centro de Estudos Clássicos E Humanísticos, Apresentou, Em 2006, Um.Rodolfo Lopes & As Autoridades Filosóficas No Livro - 2008 - Humanitas 60:373.
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  31. Tonicidade E Abertura Vocálica Na Língua Portuguesa Quinhentista: Três Casos de Toponímia Oriental Em Exemplares Datados de 1572 d'Os Lusíadas.Emanuel Paulo Ramos - 1985 - Humanitas 37.
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  32. Gedenkschrift Joachim Ritter Zur Gedenkfeier Zu Ehren D. Am 3. August 1974 Verstorbenen Em. Ordentl. Professors D. Philosophie Dr. Phil. Joachim Ritter. [REVIEW]Joachim Ritter - 1978
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  33. A Re-Invençao d'"Os Lusíadas" Em "Memorial Do Convento" de José Saramago.M. L. Soares - 2006 - Humanitas 58:509-524.
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  34.  14
    Análise Do Discurso Baseado Em Taxonomia de Martin E Rose: Um Caso Para Promover o Discurso Sobre CLIL No Programa de Doutorado Em Filosofia da Religião.Oleg Pavenkov & Mariia Pavenkova - 2016 - Revista de Teologia 10 (17):129-139.
    This study is devoted to examining the introduction of the Content and Language Integrated Learning classes that combine the history of religion philosophy and English language education within the Ph.D. programme. New global challenges and the BRICS development require the implementation of the CLIL programmes for organizing and improving intercultural cooperation, to give it a more profound value-grounded character. In this regard, it is necessary not only to introduce the teaching of the English language but also to improve the discursive (...)
    No categories
    Direct download  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  35. Eugenio d'Ors y el pragmatismo.Marta Torregrosa & Jaime Nubiola - 2016 - In Pedro Russi (ed.), Eugenio d'Ors e Charles S. Peirce: jogo e pragmatismo em açao. Sarapuí, Brasil: OJM. pp. 18-46.
    El objetivo de este trabajo es dar noticia de la recepción del pragmatismo en la obra y el pensamiento de Eugenio d’Ors, reuniendo algunos resultados de nuestros trabajos preceden- tes. Dedicamos una primera parte a describir el encuentro de Eugenio d’Ors con el pragmatismo. En segundo lugar describimos su conexión con William James a quien llegó a conocer en París. En tercer lugar, damos cuenta de en qué consiste la denominada “superación del pragmatismo” por parte de Eugenio d’Ors y, por (...)
    Direct download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  36. Percurso E singularidades do ensino de sociologia em alagoas.Amurabi Oliveira, Vanessa do Rêgo Ferreira & Claudovan Freire - 2014 - Saberes Em Perspectiva 4 (8):13-33.
    A Sociologia é reintroduzida em nível nacional nos currículos escolares em 2008, o que tem fomentado a discussão em torno do seu ensino na Educação Básica, contudo, as realidades regionais são bastante diversas, e em alguns estados a introdução de seu anteriormente, como no caso de Alagoas que examinamos aqui. Realizamos uma análise considerando alguns eixos principais: a) a institucionalização das Ciências Sociais em Alagoas; b) a introdução da Sociologia no processo seletivo para o ingresso na Universidade Federal de Alagoas; (...)
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  37.  57
    O elemento diferencial de tempo e a causalidade física na dinâmica de D'Alembert.Michel Paty - 2005 - Discurso 35:167-216.
    Em sua concepção da dinâmica como ciência das mudanças dos movimentos dos corpos, D'Alambert propõe-se a exprimir estas mudanças somente em função das grandezas do movimento. Ele estabelece assim a possibilidade de concebê-las fisicamente, em relação às suas causas efetivas, sem recorrer a conceitos externos como o de força, afirmado a co-naturalidade da causa física e de seus efeitos, traduzida pelaç noção de aceleração instantânea, cuja significação física vincula-se à forma diferencial da grandeza tempo e ao conceito de movimento virtual.
    No categories
    Direct download (10 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  38.  17
    Interiorizar “Jesus Cristo”: Programa narrativo-biográfico de D. Luciano Mendes de Almeida (Internalizing “Jesus Christ”: The biographical narrative program on D. Luciano Mendes de Almeida) - DOI: 10.5752/P.2175-5841.2012v10n27p959. [REVIEW]Virgínia Albuquerque de Castro Buarque - 2012 - Horizonte 10 (27):959-982.
    Este artigo tem como propósito reconstituir o sentido conferido por D. Luciano Mendes de Almeida (1930-2006), bispo-auxiliar de São Paulo e arcebispo de Mariana, secretário e presidente da CNBB além de vice-presidente do CELAM, à sua própria trajetória biográfica. Verifica-se que, se cotejada com balizas culturais contemporâneas, tal configuração de si porta contornos aparentemente paradoxais: ao invés de fortalecer uma identidade pessoal, ela pressupõe uma dinâmica antropológico-religiosa de autoesvaziamento, concomitante a uma atuação mediadora em prol de relações ternárias entre Deus, (...)
    Direct download (6 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  39.  68
    Sobre o Infinito Na Idade Clássica Em Michel Foucault.Marcio Miotto - 2013 - Revista Ideação 27 (1):157-186.
    Nos textos escritos por Foucault durante os anos 60, a problemática antropológica amparava-se, dentre outros fatores, no argumento segundo o qual a modernidade se constitui a partir de uma “finitude constituinte” a substituir um “infinito originário”. A questão do infinito teria, portanto, duas funções: a descrição da epistémê clássica e a própria comparação desta com a epistémê moderna. Entretanto, em As Palavras e as Coisas o capítulo que abre as considerações sobre o período clássico não considera, em suas linhas maiores, (...)
    Direct download (2 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  40.  56
    Maria Izilda S. de MATOS et Rachel SOIHET , O corpo feminino em debate, São Paulo, Unesp, 2003.Jacqueline Hermann - 2004 - Clio 19:256-259.
    À une époque de grande exposition des corps, de totale libération et d'incitation à « réformer » au moyen d'innombrables procédés amplement annoncés par les médias - chirurgies plastiques, inoculation de différents produits qui, pour la plupart, n'ont même pas été soumis à des analyses attestant leur sécurité -, le livre O corpo feminino em debate dirigé par Maria Izilda Santos de Matos et Rachel Soihet est sans aucun doute bien opportun. En effet, il présente un ample panorama des rep..
    No categories
    Direct download (8 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  41.  11
    Toda terra é Karbala, todo dia é Ashura: a pedagogia do martírio nas narrativas xiitas e a construção de uma identidade de resistência. 2018. Tese – Programa de Pós-graduação em Relações Internacionais, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG.Patrícia Simone do Prado - 2019 - Horizonte - Revista de Estudos de Teologia E Ciências da Religião 16 (51):1427.
    Propõe-se nesta tese analisar como as narrativas sobre o martírio de Imam Hussein no deserto de Karbala no ano 680 d.C, pode constituir um tipo de pedagogia, entre os xiitas, e como essa pode influenciar a construção de um tipo de identidade entre eles. Estruturada em cinco capítulos, buscou-se compreender e interpretar a construção da identidade xiita, como religiosa e política, a partir do ensino e aprendizagem da narrativa sobre o martírio de Imam Hussein. Através da pesquisa de campo no (...)
    No categories
    Direct download (2 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  42. Virtude e conhecimento em As Leis.Gérson Pereira Filho - 2014 - Archai: Revista de Estudos Sobre as Origens Do Pensamento Ocidental 12:93-102.
    A indagação que motiva o diálogo Protágoras sobre a possibilidade ou não de se ensinar a virtude, perpassa também diversos outros diálogos platônicos. Na verdade, virtude e conhecimento são temas centrais para se pensar o ânthropos, a pólis, a ética, o ser e a razão, no contexto do corpus platônico. Em As Leis, última obra escrita pelo fundador da Academia, a relação conhecimento/virtude volta a ganhar destaque no processo de reelaboração de um novo projeto para salvar o homem e a (...)
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  43.  5
    ROBERT D' ARBRISSEL: Uma Experiência Curiosa de Relacionamento Entre Homens E Mulheres Na Igreja Cristã Medieval.Marcos Roberto Nunes Costa - 1997 - Veritas – Revista de Filosofia da Pucrs 42 (3):535.
    Dentre os movimentos religiosos do século XI, destaca-se o de Roberto d' Arbrissel, fundador da Ordem de Fontevraud, na qual conviviam homens e mulheres, cabendo a estas a direção. O projeto não teve longa duração em uma igreja de celibatários misóginos, e Roberto, apesar de suas virtudes, não foi canonizado.
    No categories
    Direct download (2 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  44.  1
    Individuação Psicossocial, Coletivo E Universalidade Em Simondon.Paulo Vieira Neto - 2019 - Doispontos 16 (2).
    Pela análise da individuação psicológica, como ela aparece na L’individuation à la lumière des notions deforme e d`information, de Gilbert Simondon, pretendemos estabelecer alguns princípios fundamentais de método,segundo os quais Simondon irá pensar o social, e depois o político. Pretendemos, com esses princípios, sublinhara forma peculiar e original em que a filosofia de Simondon permite pensar a natureza do social e do político, semreduzir as ciências do espírito às ciências da natureza ou vice e versa.
    No categories
    Direct download (2 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  45.  41
    Pensar a substância em Francisco Suárez – a respeito da Disputatio Metaphysica XXXIII.Norbert Brieskorn Sj - 2009 - Veritas – Revista de Filosofia da Pucrs 54 (3).
    Francisco Suárez (1548-1617) publicou em 1597 sua obra-prima em metafísica, as Disputationes metaphysicae. Na trigésima terceira Disputa – o objeto deste artigo – Suárez defende primeiramente a substância sobtrês aspectos: como “ens per se” (uma entidade independente), como o que permanece no tempo, e como o suporte fundamental de acidentes. Secundariamente, ele utiliza três distinções com o objetivo de articular a noção de substância: substâncias completas e incompletas, substâncias perfeitas e imperfeitas, e a distinção entre substância primeira e substância segunda. (...)
    Direct download (2 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  46.  4
    Critique Phénoménologique D’Une Approche Neuronale de la Conscience.Jean-Luc Petit - 2018 - Trans/Form/Ação 41 (s1):75-100.
    Résumé: La conscience est toujours conscience de quelque chose, généralement une chose autre qu’elle-même - mais quelle sorte de chose est donc la conscience, considérée en et pour elle-même? Naguère redoutable paradoxe qu’une science sérieuse abandonnait volontiers aux philosophes, la conscience a-t-elle été ramenée finalement à la condition d’un objet de science parmi les autres? Le développement d’une nouvelle «neuroscience de la conscience» depuis une vingtaine d’années est souvent présenté comme une avancée naturelle pour une science forte de son succès (...)
    Direct download (3 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  47.  26
    O Grotesco Em Machado de Assis: Uma Leitura de a Causa Secreta.Sílvia Maria Azevedo - 1988 - Trans/Form/Ação 11:77-88.
    Na primeira parte deste trabalho -"Grotesco, literatura, leitor" - discutiu-se o conceito de grotesco, configurado em termos literários, nas suas articulações com a ficcionalidade e a recepção. Na segunda parte - "O leitor e o grotesco em A CAUSA SECRETA" - procedeu-se à leitura do conto machadiano na perspectiva de um texto onde o grotesco, resultado da estruturação do conto, encontra-se configurado em termos ficcionais.A la première partie de ce travail -"Grotesque, littérature, lecteur" - on a discuté le concept de (...)
    Direct download (7 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  48.  24
    A New Approach to the Letter to D’Alembert.Israel Alexandria Costa - 2015 - Trans/Form/Ação 38 (s1):81-92.
    RESUMO:A réplica rousseauniana a d’Alembert, autor do verbete Genebra da Enciclopédia, foi batizada como Carta sobre os espetáculos, em respeito ao tema nela tratado após os dez primeiros parágrafos, os quais abordam explicitamente o tema da intolerância religiosa. Contudo, o presente artigo apresenta, sob a perspectiva de uma moral da tolerância que não se resume às questões religiosas, a defesa de que a Carta a d’Alembert é uma integral e avançada Carta sobre a Tolerância, por contemplar, além do discurso iluminista (...)
    Direct download (6 more)  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  49.  26
    Bispos conservadores brasileiros no Concílio Vaticano II (1962-1965): D. Geraldo de Proença Sigaud e D. Antônio de Castro Mayer-DOI: 10.5752/P. 2175-5841.2011 v9n24p1010. [REVIEW]Rodrigo Coppe Caldeira - 2011 - Horizonte 9 (24):1010-1029.
    Desde o século XIX o catolicismo foi assinalado por uma divisão interna advinda das demandas pastorais de como a Igreja Católica deveria se situar e responder aos novos desafios lançados pela modernidade. Uns entendiam que ela deveria dialogar com modernidade, abrindo-se àquelas perspectivas positivas do projeto moderno, outros negavam qualquer possibilidade de tal diálogo, vendo nos valores modernos apenas anticristianismo e perdição, defendendo o lançamento de anátemas aqueles que, possivelmente, se desviassem da ortodoxia. O Concílio Vaticano II (1962-1965) pode ser (...)
    Direct download (6 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  50.  16
    Mais que um, menos que muitos: a individuação e o programa filosófico de Simondon no “L'Individuation à la Lumière des Notions de Forme et d'Information ”.Paulo Vieira Neto - 2015 - Doispontos 12 (1).
    resumo: Há uma solidariedade entre o estilo do L'Individuation à la Lumière des Notions de Forme et d'Information e os princípios teóricos que a obra toma como ponto de partida para sua investigação dos diversos processos de individuação. Essa solidariedade torna o estilo da obra um programa filosófico que responde a demandas precisas quanto ao papel das ciências da natureza, das ciências humanas e da técnica, sua classificação, sua história e sua consistência teórica, demandas que pretendemos especificar no artigo. Ao (...)
    No categories
    Direct download (4 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
1 — 50 / 185