9 found
Order:
  1. A tirania na "República": o outro em si mesmo.Rachel Gazolla - 2008 - Revista de Filosofía de la Universidad de Costa Rica 46 (117):87-93.
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  2.  18
    Cuidado de Si E Escolha Ética Em Marco Aurélio.Rachel Gazolla - 2004 - Veritas – Revista de Filosofia da Pucrs 49 (1):124.
    Este estudo visa expor suas noções básicas do pensamento do estóico Marco Aurélio que nos falam ainda de perto na modernidade: o pertencimento a si mesmo e o cuidado de si. Elas estão intimamente relacionadas com a physis e a Ética estóicas. Pretende-se mostrar o aparente paradoxo da afirmação estóica sobre nossas ações éticas fundarem-se na determinação cósmica, ao mesmo tempo em que há uma abertura possível para deliberar particularmente a partir desta determinação universal.
    No categories
    Direct download (2 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  3.  17
    Considerações Sobre a Psyché No Livro VII da República de Platão: O Phronesai Do Logístico.Rachel Gazolla - 2004 - Veritas – Revista de Filosofia da Pucrs 49 (4):677.
    Este artigo trata da importância dophronésai como uminstrumento da alma que se estrutura enquantoponto de intersecção da dialética ascendente eda descendente. Para a educação do filósofodialético, tanto a contemplação noética quanto oconhecimento para a melhor atuação dos homensna vida em comum são expostos por Platão desdeo livro IN, ao apresentar os homens que têmphrónimos. O tema é aprofundado no livro VII, naexposição do movimento específico de um órga-non do logístico, o phronésai.
    No categories
    Direct download (2 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  4. Eros y manía en el "Fedro" de Platón: (un ángulo del discurso Estesícoro).Rachel Gazolla - 2002 - Universitas Philosophica 38:93-108.
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  5. La bella y buena muerte: la Grecia épica y Sócrates.Rachel Gazolla - 2005 - Philosophica 28:149-159.
    Este artículo pretende exponer algo del tema de la bella y buena muerte en la épica griega arcaica y apuntar los profundos cambios ocurridos con Sócrates, según textos de Platón y Xenofonte, cambios que son fundamentales todavía para nuestras categorías éticas actuales. Se trata del tránsito desde una concepción épico-aristocrática de la bella muerte a ser entendida ésta como corolario de una vida iluminada por la reflexión.
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  6.  21
    Platão e a cidade justa: poetas ilusionistas e potências da alma.Rachel Gazolla - 2007 - Kriterion: Journal of Philosophy 48 (116):399-415.
    Direct download (5 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  7.  8
    Platão E a Cidade Justa: Poetas Ilusionistas E Potências da Alma.Rachel Gazolla - 2007 - Kriterion: Journal of Philosophy 48 (116):399-415.
    No categories
    Direct download (3 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  8.  4
    Técnica Dialética E E/Dos Algumas Considerações Para Reflexão Sobre Dialética de Platão.Rachel Gazolla - 1998 - Veritas – Revista de Filosofia da Pucrs 43 (4):961.
    SÍNTESE - A dialética em Platão é, por um lado, uma técnica que planta e semeia as "sementes do logos"; ela é, então, algo que pode ser ensinado e aprendido na relação Mestre e Discípulo. Por outro iado, Dialética é uma episteme, através da qual é possível contemplar o ser e o inteligível; ela é um saber mais perfeito e pertence, não ao âmbito da técnica, do poiefn, mas ao domínio de contemplar, do theorefn. Dialética neste segundo sentido trabalha, primeiro, (...)
    No categories
    Direct download (2 more)  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  9. Tragedia griega: a cidade faz teatro.Rachel Gazolla - 2003 - Philosophica 26:53-68.
    O texto pretende mostrar o teatro trágico e sua relação com a pólis e com a Filosofia nascente no que respeita à imitação. Quando recortamos certo vocabulário usado pelos poetas arcaicos (épicos e líricos), é possível ver que os trágicos - porque descobriram o diálogo como forma para seus textos - criaram novos sentidos às mesmas palavras. Descobriram, também, as palavras para o pensamento jurídico/político nas cidades do V a.C., (como os pré-socráticos), ou seja, a força que podem ter os (...)
    No categories
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark